14 de jan de 2009

Vida Nova

Estou um tempo sem escrever, mas sempre que posso dou uma espiada nos textos e fico sentida quando leio depoimentos do tipo "ela era tudo pra mim", "doença ingrata", "Minha vida acabou", "nada faz sentido agora"...

Gente, quero lembrar a vcs que não estamos aqui a passeio, OK?
Somos seres espirituais com eventuais experiências materiais que voltarão a ser seres espirituais na sua essência - somos pura energia.

A Bíblia cita: "Do pó vieste, ao pó voltarás"
Somos todos formados por elementos encontrados no solo ao nosso redor. Isto está em harmonia com a declaração bíblica de que o homem foi feito “do pó do solo”. (Gên. 2:7).

Não se apegue ao concreto, ao que vê, pois tudo que acontece contigo é produto de sua mente. Mude a forma de ver as coisas e sua vida terá um outro destino.

Vc deve estar pensando... "Ah, legal, basta eu deixar de acreditar que minha mãe tá doente que tudo vai sumir!"

Nada vai "sumir", mas a intensidade, a forma, a quantidade é possível de ser mudada. Como assim?

Primeiro: "vc não perdeu ninguém" - Somos sós, e vamos morrer sós.
Temos que amar as pessoas e fazer o melhor por elas e não deseja-las te-la por perto como algo que "não se pode perder".

Mude o pensamento para: Vou amá-la e respeita-la até o fim desse meu dia. AMAR é dar atenção. Amar é servir. Amar não é um sentimento apenas, mas um conjunto de atitudes.

Se vc ama a pessoa que está doente, apenas faça tudo que puder por ela. Lhe dê conforto na hora da dor. Dê atenção quando estiver sozinha , mas não sinta apenas.... faça algo, mesmo que não saiba o que fazer. Ficar se lamentando não ajuda nada, nem a ela, nem a vc.

Sua vida mudou? A vida muda o tempo todo para que possamos construir alicerces para dias melhores. Aprenda, aprenda cada dia! Hoje vc é mais informada que ontem. Hoje vc sabe mais que há 2 anos atrás. Hoje vc sabe mais que muita gente que não faz a menor idéia do que vem pela frente...

Pare de se fazer de coitadinho... se seus irmãos ou sei lá quem não quer ajudar, mude sua relação quanto a isso!

Faça o que pode fazer! vc não é DEUS!!!!
Não julgue as pessoas por suas atitudes. Cada um sabe o que pode fazer. Faça o que vc pode fazer e não se culpe, pois a culpa é a pior das doenças, o medo de não ir para frente é o seu PIOR INIMIGO!!!

O medo te freia, te paralisa, te reduz a "fantoche" dos outros.
Aja dentro dos seus princípios, pois se vc estiver bem com seus valores NADA pode te fazer mal.

Assuma que vc é responsável por sua vida - Ninguém Mais!
A doença de alguém não pode e não deve ser motivo de Medo ou de paralisia em sua vida.

Milhares de pessoas a cada segundo estão passando por momentos muito mais difíceis que o seu e estão focando no futuro. Numa solução de um dia melhor.

Pesquise esse nome no google: Wilma Rudolf,

Nasceu com poliomielite, numa família de 22 irmãos, esteve às portas da morte, teve tuberculose, escarlatina, e a única forma de recuperação era fazer exercício. Contraiu pólio na primeira infância. Sua mãe a levava a um hospital para negros a 80 km de casa duas vezes por semana e massageava suas pernas quatro vezes por dia. Com os constantes cuidados maternos, aos 12 anos ela conseguiu começar a andar normalmente.

No princípio, Wilma perdeu quase todas as provas de corrida de que participou. Sempre a última colocada nas competições iniciais, ela aos poucos foi progredindo para as posições intermediárias e aos quinze anos vencia todas as corridas de velocidade que disputava. Ela foi a primeira mulher a ganhar três medalhas de ouro, em 1960 se consagrando como a maior velocista do planeta.

Um repórter numa entrevista a perguntou se acreditava que um dia poderia voltar a andar e ela respondeu confiante:
"Os médicos disseram que eu jamais andaria outras vez, mas minha mãe disse que sim, e eu acreditei na minha mãe".

Um abraço a todos
Laura Botelho

Cérebro de alguém com Alzheimer - Direito

Cérebro de alguém com Alzheimer - Direito

MEUS BLOGs